2013: ANO DA CONTABILIDADE NO BRASIL

Este ano de 2013 será, sem dúvida, um dos mais importantes para a contabilidade brasileira. O Conselho Federal de Contabilidade - CFC , em conjunto com várias entidades contábeis brasileiras, lançou este ano a campanha ; " 2013 - Ano da Contabilidade no Brasil ". Esse projeto tem como finalidades ; (a) divulgar amplamente, com o auxílio dos diversos meios de comunicação, o real papel e a contribuição dos profissionais da contabilidade para o desenvolvimento da economia brasileira;(b) que a sociedade conheça melhor a importância dos profissionais e da profissão contábil; (c) valorizar a classe contábil.

A ideia da campanha surgiu, a partir da constatação do crescimento da contabilidade no Brasil e no mundo, principalmente na última década, com a implementação das Normas Internacionais de Contabilidade, no padrão IFRS, tornando obrigatório a sua adoção, para qualquer tipo de empresa, inclusive as Pequenas e Médias Empresas - PME'S, conforme Resolução do CFC Nº 1.255 de 10.12.2009. A partir desse processo de convergência para as normas internacionais, o profissional contábil brasileiro tornou-se internacional e tem a possibilidade de até estender a sua atuação no exterior. Presentemente, a contabilidade brasileira ocupa uma posição de destaque no cenário econômico, político, social, sendo uma das 5 (cinco) profissões mais procuradas no mercado de trabalho.

Além disso, a contabilidade se posiciona como a linguagem universal dos negócios, sendo uma das maiores difusoras da responsabilidade socioambiental do mundo. Como resultado desse projeto, a classe contábil brasileira espera que ; (i) a sociedade tenha conhecimento dos serviços prestados pelos profissionais da contabilidade; (ii) a população tenha consciência da importância do profissional da contabilidade para o desenvolvimento socioeconômico do país; (iii) a imagem do profissional da contabilidade seja fortalecida perante a sociedade; (iv) os empresários entendam que os contabilistas são seus aliados na gestão dos negócios; (v) seja fortalecida a demanda de serviços de auditoria independente nas entidades públicas e privadas, como meio de aprimorar a gestão; (vi) seja banida aquela imagem deturpada de que o contador fica "maquiando" os balanços; (vii) se reconheça que o trabalho do contador é sério e que os Conselhos Regionais de Contabilidade - CRC'S punem àqueles que cometem irregularidades.

Nos dias atuais, uma boa parte da classe empresarial brasileira já tem conhecimento e entendem que as suas decisões eficazes são tomadas pelos empresários com base em dados apurados e em informações levantadas pelos contabilistas , tornando os números apresentados mais transparentes . Por isso, que essa valiosa iniciativa de promover a profissão contábil brasileira é de fundamental importância, para que toda a sociedade saiba e reconheça o verdadeiro papel do profissional da contabilidade no desenvolvimento do nosso país, sendo ela considerada como a ciência da transparência, pela apresentação e divulgação dos valores e das informações contidas nos seus demonstrativos/informes/relatórios, seja de natureza contábil e/ou gerencial.

Cláudio José Sá Leitão - Sócio da Sá Leitão Auditores e Consultores.

PUBLICADO NO JORNAL DIÁRIO DE PERNAMBUCO EM 20.06.2013.